História

 

Anos 1980
 
1982 - Criação da entidade em 10 de fevereiro de 1982 com o nome de Obras Sociais do Núcleo Estrela do Norte, em Planaltina, Distrito Federal. Em novembro desse ano, a entidade passou a se chamar Obras Sociais da Casa da União.

O ponto de partida do trabalho foi uma pesquisa realizada junto à população da Comunidade de Palmeiras, na zona rural de Planaltina, que identificou a população de idosos como público preferencial das ações beneficentes da entidade.

 

 

 

 

Realizado o Projeto de Assistência Social dos Idosos da Comunidade de Palmeiras, com assistência para aposentadoria, estímulo a formação de uma associação de moradores e prestação de cuidados quanto a saúde e alimentação.

 

 

 

 

Nesse período, a Casa da União firmou convênio com a Legião Brasileira de Assistência-LBA, participando do Projeto Conviver, de atendimento não-asilar a idosos.

 

 

 

 

 

Anos 1990

Busca de sustentabilidade da ASPPA- Associação de Produtores de Palmeiras, durante a década de 1990.

Firmada parceria da Casa da União com a Escola Classe de Palmeiras e a Coordenação Assistencial da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural - EMATER/DF nas áreas de segurança alimentar e saúde bucal.

 

 

 

 

Realização de torneios esportivos e realização de bazares beneficentes.

 

 

 

 

 

Idealização e realização da Feira de Talentos da Primavera, com a divulgação da produção artesanal, artística e cultural de seus associados.

 

 

 

 

Anos 2000

Entendimentos entre a Casa da União e a Centrais Elétricas de Brasília (CEB) para a replicação do Projeto Luz das Letras, criado pela Copel (Companhia Paranaense de Energia), em Brasília/DF.

 

 

 

 

Criação do Grupo Escoteiro Águas Emendadas, em Planaltina/DF.
Realização de campanhas diversas visando à beneficência dos grupos sociais vulneráveis existentes nas proximidades das monitorias da Casa União em diversas cidades-satélites de Brasília.

 

 

 

 

 

 

Presidentes da Casa da União

  • Diretoria Provisória (1982/1983) – Yolando Barbosa Castro
  • 1983/1984 – Luis Felipe Belmonte dos Santos
  • 1985/1986 – Luis Felipe Belmonte dos Santos
  • 1987/1988 – James Allen Segurado Paranayba
  • 1989/1990 – Flávio Mesquita da Silva/Jussara de Almeida Dias
  • 1991/1992 – Mauro Mesquita da Silva
  • 1993/1994 – Marcelo Ucci Pinheiro
  • 1995/1996 – Paulo José de Oliveira Evangelista
  • 1997/1998/1999 – Paulo José de Oliveira Evangelista
  • 2000/2001/2002 – Paulo José de Oliveira Evangelista/Flávio Mesquita da Silva
  • 2003/2004/2005 – Luis Felipe Belmonte dos Santos
  • 2006/2007/2008 – Ângela Martins
  • 2009/2010/2011 – Ângela Martins
  • 2012/2013/2014 – Márcio Santiago
  • 2015 - Augusto Cassiano